Empresas são coisas complexas. Sempre foram e serão.

Acredito que não cabe a mim julgar a decisão do Yahoo! de descontinuar um de seus produtos. Como dizem, “there’s more than meets the eye”. Ninguém sabe se o produto deixou de dar lucro, se a infra escalou de maneira monstruosa ou se a CEO simplesmente não gosta e quis descontinuar o Delicious. O que cabe a nós, é entender que foi um serviço maravilhoso. Uma plataforma de links, compartilhamentos e descobertas.

Fato é que precisamos de um substituto. E pra isso, existem duas maneiras guardar os links que estão lá.

A primeira (e minha favorita), é armazenar um XML com toda a informação. Assim, fica simples fazer uma aplicação pra parsear e exportar no formato que quiser.

Outra maneira é a oferecida por eles, de fazer o download de um HTML com as informações. Basta acessar este link.